Seis anos depois de ter sido mãe pela primeira vez, da pequena Aviana, Amy Adams confessa numa nova entrevista as mudanças que a estreia na maternidade trouxe à sua vida, mais especificamente, à sua própria personalidade.

“A maternidade abriu-me os olhos e fez-me olhar para fora de mim. Odeio pensar que estava tão focada no meu umbigo antes de ter a minha filha. Sinto que agora consigo olhar para as coisas com uma perspetiva diferente”, disse a atriz de 42 anos, com nacionalidade norte-americana e italiana, à Sky News.

A chegada da sua primeira filha, fruto do relacionamento de Amy Adams com o ator Darren Le Gallo, também afetou o seu desempenho no mundo da representação, para melhor, como se vê no mais recente filme da atriz, ‘Arrival’, que tem estado a promover nos últimos dias, e no qual interpreta uma mãe que perde o seu filho.

“Teria sido uma performance completamente diferente se não fosse mãe na vida real. Simplesmente, tenho agora uma relação diferente com a compaixão desde que me tornei mãe. E compaixão por outras pessoas, não apenas pela minha filha”, frisou Adams.

A estrela de Hollywood acrescentou que Aviana não olha para a mãe como uma atriz popular e de sucesso. “Ela define o mundo mediático de forma diferente da minha. Ela diz-me: ‘Mãe, eu sou muito mais rock ‘n’ roll do que tu’”, remata a atriz, bem-disposta.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS 0 Comentários

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
hqcelebcorner_282529.jpg
hqcelebcorner_282429.jpg
hqcelebcorner_282329.jpg
hqcelebcorner_282229.jpg
hqcelebcorner_282129.jpg
hqcelebcorner_282029.jpg
hqcelebcorner_281929.jpg
hqcelebcorner_281829.jpg
hqcelebcorner_281729.jpg
hqcelebcorner_281629.jpg